Postagens

Mostrando postagens de 2009

Walker Evans - fotografias no MASP

Imagem
Outra exposição do MASP é a do fotógrafo “Walker Evans”, mostrando 50 anos de carreira do grande retratista da América do Século XX. O norte-americano Walker Evans, despertou para a fotografia durante os anos 20. Evans fotografou os arranha-céus de Nova Iorque em 1928, com ângulos audaciosos.
Fotografias de Havana em 1933 sob comando do ditador Gerardo Machado, e registra uma série de fotografias para ilustrar o livro “El Crimen de Cuba”, de Carleton Beals. Me emocionei com uma foto de uma familia cubana faminta, mostra uma mãe mendigando na rua com três filhos maltrapilhos e semi-nus. A foto acima chama-se Havana, está no folder da exposição. São mais de 120 fotografias! A mostra fica até 10 de janeiro.

Museu de Arte de São Paulo

O Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - MASP é um dos mais importantes espaços culturais do país.Fundado em 1947, sua coleção é considerada a mais importante da América Latina. Obras da Antigüidade Clássica até a Arte Contemporânea.
É popularmente conhecido pelo edifício de arquitetura arrojada que abriga as suas instalações, famoso cartão postal da capital paulista.

Quem visita o MASP aos domingos se depara com a feira de antiguidades que fica montada no vão livre do museu, das 10h às 17h.

Av. Paulista, 1578 - São Paulo - SP
Próximo à estação de metrô Trianon-MASP
Terças (entrada gratuita), quartas, sextas, sábados, domingos e feriados, das 11h às 18h (bilheteria aberta até às 17h)
Quintas-feiras, das 11h às 20h (bilheteria aberta até às 19h)
Ingressos; 15,00 adulto e 7,00 crianças.
Agendamentos:
Agendamento de visitas: e-mail para: agendamento@masp.art.br ou
telefone 11 – 3283-2585
MASP

August Rodin - Exposição no Masp

August Rodin (1840-1917)
Obras e fotografias.
No Masp está aberta a exposição do escultor francês Rodin. Estão expostas algumas de suas esculturas e fotografias.
A exposição reúne 194 fotografias originais que retratam o processo criativo de Rodin de 1880 a 1917, e compreende também 22 esculturas de bronze e mármore.
Entre os destaques na exposição, a monumental escultura “Les Trois Ombres”, instalada no jardim do Museu Rodin, de onde foi retirada pela primeira vez. Também estarão expostas a versão de “Eternal Printemps”, bronze de 1886, e “Les Bénédictions”, peça de mármore feita entre 1896 e 1911, nunca antes exposta fora do museu.

Embu das Artes

Imagem
Embu das Artes






Embu das Artes, fiquei curiosa em conhecer, não tinha idéia se era um bairro de São Paulo, ou uma cidade. Sabia que tinha centro histórico, colonizada por jesuítas e que as artes fervilhavam em cada esquina.
Sete de novembro de 2009. Seguimos ao encontro do local, de São Paulo seguindo a Rodoanel em direção a Curitiba, Km 279. Entramos no centro histórico.
Suas ruas são repletas de lojas de antiguidades. Lojas de artesanato local. O primeiro local que entramos foi o Centro Cultural Mestre Assis do Embu, com três salas de exposição e um teatro. Descobri que existem em torno de 38 ateliês e galerias. Pintores, escultores, entalhadores, ourives etc..
No folder descobri que essas terras foram doadas à Companhia de Jesus em 1624 com a condição de fazerem uma igreja a Nossa Senhora do Rosário e festa de adoração à Santa Cruz, a igreja foi construída onde atualmente é o museu de Arte Sacra, no centro histórico. Com uma arquitetura barroca, possui um acervo de esculturas em mad…

Caxias do Sul

Imagem
CAXIAS DO SUL - RS


Esculturas da fachada do antigo Cine Central, uma das sedes do Recreio da Juventude.
Avenida Júlio de Castilhos, 1720

As esculturas são de Estácio Zambelli. Como seu pai e seus irmãos, dedicava-se a arte sacra. Algumas de suas obras são: as estátuas da Maria Bambina, de Santa Inês e do Cristo crucificado encontradas na Catedral de Caxias do Sul, a Via Sacra em relevo e imagens do altar da Igreja de Nossa Senhora de Lourdes.

Caxias do Sul não tem tradição de preservação do patrimônio arquitetônico. Com frequência vemos prédios antigos sendo derrubados para dar lugar a novas edificações. Nossa identidade vai-se pelo ralo, pois cada prédio está entranhado de histórias de nossa gente.

Florianópolis

Imagem
Florianópolis é a capital do estado de Santa Catarina. A Ilha da Magia. Banhada pelo Oceano Atlântico possui uma parte no continente e outra na ilha. São cerca de 100 praias. É o segundo município mais populoso do estado. A primeira ligação rodoviária entre a ilha e o continente foi a Ponte Hercílio Luz (inaugurada em 1926), ainda é o cartão postal preferido da ilha. Antigamente a ilha era chamada de "Ilha de Santa Catarina" , pois seu fundador Dias Velho chegou ao local no dia da santa. Depois se tornou vila com o nome de Nossa Senhora do Desterro e e, 1823 se tornou capital da Província de Santa Catarina. Em 1845 o Imperador D. Pedro II e sua embarcação ancoraram nos arredores da ilha, por quase um mês. Teve até "beija-mão".
Origem do nome: "Cidade de Floriano". Quando o marechal Deodoro da Fonseca renunciou à presidência da república em 1891, o vice-presidente Floriano Peixoto assumiu o poder sem eleição, contrariando a nova Constituição. Iniciou…

Museu do Ipiranga

Imagem
Museu do Ipiranga

Esse museu se encontra no Bairro do Ipiranga em São Paulo, esse bairro se chama assim devido ao rio Ipiranga. Lembram? Foi as margens do rio Ipiranga que D. Pedro I proclamou nossa independência de Portugal (7 de setembro de 1822).
E foi no Bairro do Ipiranga que foi construído um Museu em homenagem a Independência do Brasil: o Museu do Ipiranga, projeto do italiano Tommazo Gaudenzio Bezzi. Ele foi construído de 1885 à 1890. Em 7 de setembro de 1895 deu-se a abertura oficial do museu ao público. Desde 1963 ele foi integrado a Universidade de São Paulo.
O que mais encanta, além do próprio palácio são os jardins magníficos!!
Ao entrar no palácio nos deparamos com uma enorme escadaria com estátuas de bandeirantes e pinturas retratando os primeiros tempos de colonização. Nos degraus há ânforas com água, cada uma com um nome de um rio brasileiro. Há vários quadros com personagens importantes para nossa independência. No 2º andar entramos no Salão Nobre, ali está o …

São Miguel das Missões – RS

Imagem
São Miguel das Missões – RS

As missões jesuíticas espanholas tinham como objetivo catequizar os indígenas (sec. XVII). São Miguel das Missões e a mais preservada das missões jesuíticas. Considerada patrimônio mundial cultural.
Essas missões, implantadas pela Coroa Espanhola, contavam em torno de 30. Eram conhecidas como os 7 Povos das Missões. As missões foram destruídas quando passaram para os portugueses com o Tratado de Madri (1750). No lado brasileiro temos ruínas de apenas quatro delas.
São muitas as historias e os heróis, como Sepe Tiaraju. O Museu das Missões também faz parte do passeio, com uma maquete das missões.
O espetáculo de som e luz e apresentado toda noite. A céu aberto entramos na saga missioneira ao som de cantos guaranis.
Ao redor das ruínas muitos índios vendem seus artefatos para os turistas, como arco e flecha, animais esculpidos, cestos etc...Um bom tema para posterior discussão...
http://www.saomiguel-rs.com.br/

Uruguai

Imagem
Montevidéu


Praça da Independência . Vista da torre do Palácio Salvo. El Feol.

Montevidéu:
Em torno de 1, 8 milhão de habitantes. Conserva um ar de tempos antigos.
O centro antigo, a cidade velha nos remete ao passado com fachadas bem conservadas mas quanto mais se chega próximo ao rio da Prata, percebe-se um aspecto de abandono e decadência.
Mercado, de 1868. Saborear a Parrilla é imperdível. A parrilla é o churrasco dos uruguaios, com vários tipos de tripas assadas.

Relógio do interior do Mercado Público.

CASA PUEBLO


Casa Pueblo se localiza em Punta Ballena, próximo a Punta del Este no Uruguai. Construida pelo artista plástico e arquiteto Carlos Páez Vilaró. Há um museu para visitação com galeria de arte. Na visita pode-se assistir a um vídeo onde ficamos sabendo que seu filho Carlos Miguel foi um dos sobreviventes dos Andes em 1972.Arquitetura arredondada e branca, contrastando com o azul do mar.São formas redondas, sem alinhamento, pontiagudas. Grafismos em tons de azul fazem parte d…

Viagem Philosophica

Imagem
“Viagem Philosophica” (1783 a 1792)

A Viagem Philosophica foi uma expedição pela bacia amazônica, de Belém até Cuiabá, que percorreu 40 mil quilômetros. Alexandre Rodrigues Ferreira foi nomeado pela Rainha D. Maria I como “o primeiro naturalista português” e encarregado da expedição científica denominada “Viagem Filosófica” considerado o maior empreendimento científico realizado no Brasil pela Coroa Portuguesa no período colonial. Eles teriam que descrever todos os seres dos três reinos da natureza (mineral, animal e vegetal) encontrados na Amazônia Brasileira e parte da Bacia do Rio Paraguai. Por escrito, por desenho e por amostras. Foram quase 10 anos de expedição.

Viagem Philosophica

Em sala de aula:

Brasil colônia: Conteúdo muito rico para trabalhar em várias disciplinas: História, Geografia, Artes, Português, Matemática, Ciências etc..
Discussões sobre as viagens exploratórias. Quais eram os objetivos dessas explorações- interesses econômicos. As relações que estão por trás da…

Expedições

Expedições
As expedições científicas sempre me encantaram, principalmente aquelas dos séculos passados, quando as condições eram limitadas. Muitas expedições foram realizadas no Brasil nos primeiros séculos de sua história, mas o que encanta mais é a a maneira dos registros, através de desenhos e diários. Sem os recursos tecnológicos que possuímos hoje, os artistas tinham que ser rápidos, ágeis observadores para que através de traços rápidos pudessem tornar a representação o mais fiel possível.
Férias para aprender

Hoje em dia está cada vez mais fácil viajar. Durante as férias os professores aproveitam para conhecer novos lugares. Os registros podem ser feitos de várias maneiras: fotografia, anotações de viagem, materiais diversos como folders, mapas, etc.. Há muito tempo levo nas minhas “expedições”, além da máquina digital, lápis, borracha e um caderno de desenho. Sempre que posso rabisco no caderno e nos momentos de descanso faço os registros. A Revista Escola de dezembro de 2003…